sexta-feira, 28 de fevereiro de 2014

EXERCÍCIOS MILITARES RUSSOS ATINGIU A MÍDIA OCIDENTAL - COM VÍDEO




Militar da OTAN exerce a Rússia está em causa. Em Aliança do Atlântico Norte temem que eles podem ser percebidos errado em conexão com os acontecimentos na Ucrânia, que na verdade quebra. Reação da OTAN diz RT correspondente Tabang Motes.

Aqueles que lêem jornais ocidentais ou TV assistiu, nos últimos dias, estão em causa. Eles estavam cheios de manchetes como "forças armadas da Rússia jogar músculos", "Putin ordenou às suas tropas para mudar para a prontidão de combate" e "Os EUA querem Rússia não intervir." Para a pessoa ignorante é como uma frase de um jogo de computador ou um filme ruim sobre o desastroso III Guerra Mundial. Mas as coisas são muito piores.Esses rumores não são algum tablóide traz sedenta de sensacionalismo barato e ministros da Defesa dos países ocidentais e até mesmo NATO. Alliance afirma que os exercícios militares russos - esta irresponsabilidade e de provocação. Parecia mesmo a ideia de que eles são perigosos, e esta é uma acusação grave. Ao mesmo tempo em que a NATO se esquece de suas próprias ações.

Exercícios da Otan são frequentemente mensagem política e falar sobre a disponibilidade da aliança para intervir. Os exemplos não são difíceis de encontrar. Em 2012, contra o pano de fundo o confronto entre os EUA eo Irã sobre a questão nuclear, Washington realizou os maiores exercícios navais nas proximidades das costas iranianas. No ano seguinte, os EUA convidou 41 países para enviar seus navios de guerra, submarinos e aviões portadores de participar de uma guerra com o Irã improvisado próximo. Em novembro de 2013, quando a China eo Japão intensificou o conflito sobre as ilhas disputadas, Washington realizou suas exercícios anuais com Tóquio. E mais uma vez - por acidente - EUA disse que, durante o exercício foi simulada a captura da ilha.

Não se esqueça sobre como os bombardeiros nucleares dos EUA sobrevoaram China declarou zona de defesa. Mais tarde, os EUA chamou o incidente "um estudioso independente da Força Aérea norte-americana." E, você pode recordar a situação com a Coreia do Norte. Quando a controvérsia nuclear entre o Norte e Coréia do Sul escalado para o limite, os EUA levaram as suas forças armadas em alerta, e, novamente, teve uma doutrina - de acordo com a versão oficial, em resposta à ameaça de Pyongyang de agressão. Todos estes incidentes ocorridos nos últimos anos. Então, talvez, o secretário-geral da Secretaria de Defesa da OTAN e os EUA precisam de mais confortável com o fato de que outros países também realizam exercícios militares - especialmente se eles fazem isso no seu território.

Fonte: Russian RT

Segue o link do Canal no YouTube e o Blog
Gostaria de adicionar uma sugestão, colabore com o NÃO QUESTIONE

Este Blog tem finalidade informativa. Sendo assim, em plena vigência do Estado Democrático de Direito, exercita-se das prerrogativas constantes dos incisos IV e IX, do artigo 5º, da Constituição Federal. Relembrando os referidos textos constitucionais, verifica-se: “é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato" (inciso IV) e "é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, independentemente de censura ou licença" (inciso IX). As imagens contidas nesse blog foram retiradas da Internet. Caso os autores ou detentores dos direitos das mesmas se sintam lesados, favor entrar em contato.

SERVIÇOS SOCIAIS BRITÂNICOS TIRADO OS PAIS DE CRIANÇAS COM EXCESSO DE PESO


Durante o ano passado aumento de 12% no número de britânicos menores de 16 anos que necessitaram de assistência médica devido ao excesso de peso. Mais de 70 dessas crianças, por esta razão podem ser removidos de suas famílias durante os últimos cinco anos.

Ao longo dos últimos três anos na Inglaterra, Escócia e País de Gales foram registrados em 183 crianças de 11 anos, pesando mais de 100 kg, de acordo com a publicação Daily Mirror. Segundo o jornal, o bebê mais pesado pesa 147 kg.

Durante o ano passado aumento de 12% no número de britânicos menores de 16 anos que necessitaram de assistência médica devido ao excesso de peso.

Ao mesmo tempo, na Inglaterra fixa redução de pessoas com excesso de peso em todas as faixas etárias, exceto os menores de 16 e maiores de 65 anos.

Edição apelou às autoridades locais para esclarecimentos. Verificou-se que 128 conselhos locais, que responderam a um pedido 26-46 crianças obesas foram retiradas de suas famílias por serviços sociais. Assim, a publicação sugere que a quantidade total pode ser de até 74 pessoas.

Os serviços sociais justificar suas ações dizendo que as crianças precisam para fornecer ajuda oportuna para evitar a ocorrência de doenças graves, a causa do que poderia se tornar obesa.

No início deste ano, o jornal Daily Mail informou que médicos estimaram que em 2050 mais de 50% da população do Reino Unido vai sofrer de obesidade. Até o momento, problemas com excesso de peso estão experimentando 26% dos adultos britânicos, ea obesidade é identificada como um dos principais problemas de saúde da nação.

Fonte: Russian RT

Segue o link do Canal no YouTube e o Blog
Gostaria de adicionar uma sugestão, colabore com o NÃO QUESTIONE

Este Blog tem finalidade informativa. Sendo assim, em plena vigência do Estado Democrático de Direito, exercita-se das prerrogativas constantes dos incisos IV e IX, do artigo 5º, da Constituição Federal. Relembrando os referidos textos constitucionais, verifica-se: “é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato" (inciso IV) e "é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, independentemente de censura ou licença" (inciso IX). As imagens contidas nesse blog foram retiradas da Internet. Caso os autores ou detentores dos direitos das mesmas se sintam lesados, favor entrar em contato. 

BLACK SEA FLEET DOS MILITARES RUSSOS NEGOU ENVOLVIMENTO NO BLOQUEIO DO AERÓDROMO "BELBEK"


Assessoria de imprensa da Frota do Mar Negro negou informações recentes da mídia que militares russos supostamente bloqueando Bel'bek aeródromo perto de Sevastopol, Interfax.

"Não há divisões na área da Frota do Mar Negro Belbek a ser invocadas, e, especialmente, nenhuma parte em seu bloqueio, eles não levam" - disse o porta-voz da Frota do Mar Negro.

"Dada a situação volátil evoluindo em torno dos locais das partes da Frota do Mar Negro na Criméia, bem como locais de residência compacta de militares e suas famílias, de fato, fortaleceu suas unidades de Frota do Mar Negro de segurança anti-terrorismo", - disse o interlocutor da agência.

No início da noite de 27-28 fevereiro, informou-se que o aeroporto "Simferopol" Crimea apreendidos por homens armados em uniforme sem marcas. Logo, porém, o porta-voz do aeroporto Igor Stratilata disse em entrevista à emissora de rádio "Eco de Moscou", que desconhecido já havia deixado o aeroporto. A agência de notícias RIA Novosti referindo-se ao terminal de serviço de referência empregado negou completamente informações sobre a apreensão. Agora, o aeroporto "Simferopol" operando normalmente.

Fonte: Russian RT

Segue o link do Canal no YouTube e o Blog
Gostaria de adicionar uma sugestão, colabore com o NÃO QUESTIONE

Este Blog tem finalidade informativa. Sendo assim, em plena vigência do Estado Democrático de Direito, exercita-se das prerrogativas constantes dos incisos IV e IX, do artigo 5º, da Constituição Federal. Relembrando os referidos textos constitucionais, verifica-se: “é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato" (inciso IV) e "é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, independentemente de censura ou licença" (inciso IX). As imagens contidas nesse blog foram retiradas da Internet. Caso os autores ou detentores dos direitos das mesmas se sintam lesados, favor entrar em contato.

ECOLOGISTAS ACUSAM BALEEIROS JAPONESES DE ATAQUE NA ANTÁRTICA


Militantes da organização ecologista Sea Shepherd afirmaram nesta segunda-feira que foram alvo de um "violento ataque" de barcos japoneses que caçam baleias na Antártica.

A Sea Shepherd informou que duas embarcações atacaram o navio "Bob Barker" no domingo à noite com cabos de aço para deter os motores, a distâncias inferiores às regulamentares.

Peter Hammarstedt, capitão do barco ecologista, declarou que seguia o navio-fábrica japonês "Nisshin Maru" desde domingo pela manhã, mas a tripulação esperou a noite para iniciar o ataque.

Hammarstedt disse que explicou por rádio aos barcos japoneses que as operações da Sea Shepherd eram "completamente legais e qualquer ação agressiva seria relatada aos governos da Austrália e Nova Zelândia e aos serviços de segurança marítima".

Também informou que o navio-fábrica era acompanhado por outros dois barcos da organização.

Em Tóquio, um alto funcionário da Agência de Pesca que pediu anonimato afirmou que os agressores eram os ecologistas.

"Os dois barcos japoneses enfrentaram uma manobra perigosa realizada pela Sea Shepherd no domingo", disse.

"Um cabo lançado pela Sea Shepherd se enganchou na hélice e o casco foi danificado. Não provocou feridos nem problemas de navegação", completou a fonte.

"A operação de pesca de baleias prossegue. Não somos responsáveis. Os membros da Sea Shepherd devem ser considerados responsáveis pelo ocorrido", disse.

Os incidentes em alto-mar entre a Sea Shepherd e os baleeiros japoneses são frequentes. Este é o segundo em um mês.

O "Bob Barker" e o japonês "Yushin Maru N°2" sofreram uma colisão no dia 2 de fevereiro e trocaram acusações.

Apesar da caça comercial de baleias estar proibida desde 1986, o Japão caça os animais como parte de um programa de pesquisa científica chamado Jarpa II.

Em 2010 a Austrália denunciou o Japão ao Tribunal Internacional de Justiça de Haia, a principal instância do sistema judicial das Nações Unidas, porque considera que o Japão viola a lei internacional ao caçar baleias. A carne do animal, em muitos casos, acaba vendida nos mercados japoneses.

Fonte: AFP
Segue o link do Canal no YouTube e o Blog
Gostaria de adicionar uma sugestão, colabore com o NÃO QUESTIONE

Este Blog tem finalidade informativa. Sendo assim, em plena vigência do Estado Democrático de Direito, exercita-se das prerrogativas constantes dos incisos IV e IX, do artigo 5º, da Constituição Federal. Relembrando os referidos textos constitucionais, verifica-se: “é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato" (inciso IV) e "é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, independentemente de censura ou licença" (inciso IX). As imagens contidas nesse blog foram retiradas da Internet. Caso os autores ou detentores dos direitos das mesmas se sintam lesados, favor entrar em contato.



BRASIL: FLORESTA DO AMAPÁ PODE DIMINUIR OU ATÉ DESAPARECER


Vários projetos federais e estaduais tentam reduzir novas unidades de conservação. Uma das discussões mais recentes ocorre no Estado do Amapá, que tem 70% do território coberto por áreas protegidas.

Tramita na Assembleia Legislativa do Estado a discussão para a redução da Floresta Estadual (Flota) do Amapá, que ocupa 16% do território do Estado e está integrada com um bloco contínuo de áreas protegidas. Paralelamente, no fim do ano passado houve uma decisão de um juiz federal declarando a inconstitucionalidade da lei que criou a unidade de conservação, uma vez que a terra seria da União.

Ambientalistas alertam para o risco de a mudança trazer consequências como o avanço da grilagem de terras sobre as áreas de florestas sem destinação e a paralisação do processo de transferência de terras da União para o Estado.

A discussão ocorre em um momento em que se iniciavam várias ações para o desenvolvimento sustentável da floresta. Para março, está previsto um edital para a concessão de uso da floresta para retirada de madeira legal, o que aumentaria a eficácia da proteção. 

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Segue o link do Canal no YouTube e o Blog
Gostaria de adicionar uma sugestão, colabore com o NÃO QUESTIONE

Este Blog tem finalidade informativa. Sendo assim, em plena vigência do Estado Democrático de Direito, exercita-se das prerrogativas constantes dos incisos IV e IX, do artigo 5º, da Constituição Federal. Relembrando os referidos textos constitucionais, verifica-se: “é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato" (inciso IV) e "é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, independentemente de censura ou licença" (inciso IX). As imagens contidas nesse blog foram retiradas da Internet. Caso os autores ou detentores dos direitos das mesmas se sintam lesados, favor entrar em contato.

A OPOSIÇÃO FAST-FOOD


O impasse político e econômico é sério, mas as Manifestações não são o que Leopoldo López quer fazer crer.

Não foi apenas a partir de 1999, quando da primeira posse de Hugo Chávez, mas pelo menos desde 1983 que a Venezuela convive com impasses políticos, crises cambiais, inflação alta e violência política e social. Dessas mais de três décadas, a primeira do chavismo foi, apesar da tentativa de golpe, das sabotagens e locautes, a de maior prosperidade. Do ponto de vista social, os avanços foram sem precedentes e a democracia continuou preservada.

Entretanto, a retração inesperada dos preços do petróleo, devida à crise internacional de 2008, tornou repentinamente deficitários os projetos bolivarianos, ambiciosos e frequentemente tocados por funcionários escolhidos mais pela lealdade aparente a Chávez do que por competência ou honestidade. A escassez de produtos básicos tornou-se cada vez mais rotineira, acidentes e falta de manutenção causaram paradas e queda de produção nas refinarias, a inflação e o câmbio negro escaparam do controle e a doença do presidente e a aproximação das eleições de 2012 agravaram os problemas ao cancelar ou adiar decisões impopulares, mas necessárias, entre elas a desvalorização do bolívar e o reajuste dos combustíveis, vendidos a preços irrisórios, graças a subsídios muito onerosos para o governo.

São consequências inevitáveis das contradições do bolivarianismo ao prometer o “socialismo do século XXI” e atacar o capitalismo, mas ao mesmo tempo manter os procedimentos democráticos e depender de bancos e empreendedores capitalistas para manter a economia em funcionamento. O equilíbrio instável entre retórica e prática pode ser mantido em fases de prosperidade, mas ameaça vir abaixo a cada vez que se enfrentam dificuldades.

Mesmo assim, em 14 de abril de 2013, uma estreita maioria de eleitores (50,7%) preferiu Nicolás Maduro ao oposicionista Henrique Capriles. Os inconformados promoveram uma explosão de ódio às classes populares, que deixou sete mortos (todos chavistas) e pelo menos 61 feridos. Tanto casas de governistas quanto emissoras comunitárias, mercados populares, conjuntos habitacionais, creches e centros de saúde foram depredados e incendiados. Foi um tiro no pé, pois as dificuldades econômicas continuaram a se agravar, Maduro é inábil e sem carisma, mas o governo venceu as eleições municipais de dezembro até com mais folga.

O quadro econômico, é inegável, continuou a piorar. A inflação anual, que nos melhores anos do governo Chávez esteve levemente acima de 10% e pouco antes de sua morte ainda estava abaixo de 20%, disparou para 56%, a escassez aumentou, Maduro recorre a medidas econômicas cada vez mais drásticas e a percepção da criminalidade agravou-se com o assassinato da atriz e ex-miss Venezuela Mónica Spear e o marido em um assalto banal, nos primeiros dias de janeiro.

Em 12 de fevereiro, Dia da Juventude na Venezuela, milhares de estudantes encenaram protestos na companhia de líderes da oposição e a eles se contrapuseram manifestantes chavistas. A repressão e os enfrentamentos desse dia resultaram em três mortos (dois dos quais eram dirigentes de grupos de base chavistas e o terceiro um homem que os socorreu) e 26 feridos. 

A manifestação com o tema “A Saída” (de Maduro) teve como principal organizador Leopoldo López, líder do partido Vontade Popular e foi apoiada pelo prefeito metropolitano de Caracas, Antonio Ledezma, e pela deputada María Corina Machado. Mas foi condenada por Capriles e a maioria dos oposicionistas. “Para que serviu o ‘saia já’? Alguém que talvez não aprendeu nada durante estes anos vai nos meter a todos no ‘saia já’?”, criticou o ex-candidato presidencial da oposição. “Com isso não estou de acordo e claramente me desvinculo.” Enquanto isso, um mandado de captura por incitação à violência era emitido contra López.

Capriles e López foram, em 2000, os cofundadores do partido “Primeiro Justiça” (com o atual deputado Julio Borges) e se elegeram prefeitos de dois municípios de classe média da região metropolitana de Caracas, Baruta e Chacao, respectivamente. Em 2002, ambos participaram da tentativa de golpe – Capriles de forma mais ruidosa, ao promover o assédio da Embaixada de Cuba e fazer sua polícia prender um dos ministros de Chávez –, mas permaneceram no cargo, foram reeleitos e continuaram prefeitos. Seus rumos começaram a divergir em 2007.

López, condenado por desviar recursos dos salários dos funcionários municipais e proibido de disputar eleições até 2014, fundou o novo partido “Vontade Popular”. Em 2009, Robin D. Meyer, conselheiro político da Embaixada dos EUA, o qualificou de “figura divisiva, arrogante, vingativa e sedenta de poder”, em documento vazado pelo WikiLeaks. López apoiou Capriles contra Chávez e Maduro nas eleições presidenciais de 2012 e 2013, mas tornou-se porta-voz das alas mais intransigentes da oposição, aquelas que não se acreditam capazes de vencer eleições, foram delas excluídas ou as julgam inúteis. Isso inclui o prefeito Ledezma, eleito em 2008, mas esvaziado de grande parte de seus poderes e orçamento pela criação do cargo de “governador do Distrito da Capital”, para o qual foi nomeada a chavista Jacqueline Faría.

Já Capriles foi anistiado das acusações relativas ao golpe por Chávez e, em 2008, pôde concorrer vitoriosamente ao governo do estado de Miranda e projetar-se como líder de uma oposição que diz ser moderada e ter o brasileiro Lula como modelo. Representa a maioria dos oposicionistas vitoriosos em eleições locais, que têm responsabilidades de governo e cooperam em maior ou menor grau com o governo Maduro, do qual precisam para tocar seus projetos. Preferem aguardar as oportunidades legais para disputar o poder: um referendo revocatório (que pode ser convocado em 2016) e as eleições regulares (em 2018). Acreditam, talvez com razão, que o contínuo desgaste do chavismo lhes dará oportunidade de governar, contanto que se mostrem tolerantes e dispostos a manter programas sociais. Para estes, atitudes como a de López são um estorvo, pois põem as massas contra a oposição. 

Os apressados têm, porém, algum apoio fora do país. Entre os documentos vazados pelo WikiLeaks há também um de 2010, da consultoria Stratfor, sobre uma visita do sérvio Srda Popovic, o líder do Centro de Ação e Estratégias Não Violentas Aplicadas (Canvas), ONG que assessorou ativistas e levantes na Geórgia, Ucrânia, Líbano e Egito, entre outros, “atualmente muito ativo na Venezuela”, para explicar o que estava fazendo por lá, mais precisamente sua “estratégia de McRevolução”. Que, além de recusar o processo slow food da conquista do voto popular, parece envolver um bocado de desinformação.

A Venezuela foi apresentada por jornalistas como “à beira da guerra civil”, quando os protestos representam apenas parte da oposição e são menores que os de junho de 2013 no Brasil (inclusive no número de mortes: oito nesse mês, sem contar os 14 da invasão da Favela Nova Holanda). Pior foi nas redes sociais, onde, além do número absurdo de 3 mil mortes, circularam imagens de protestos, repressão, mortes e torturas em diferentes países (inclusive Brasil, Bulgária, Espanha, Chile, Cingapura e Síria) como se fossem da Venezuela de hoje. Até uma cena de filme pornô foi divulgada como estupro de um jovem por policiais chavistas.
Nas manifestações da terça-feira 18 foi morto um operário de uma cooperativa têxtil governista e ferida de morte uma manifestante oposicionista, ex-miss Turismo estadual. Ainda no dia 18, López convocou uma manifestação para se entregar publicamente. Pretende tornar-se mártir e símbolo, como o próprio Chávez ao ser preso pelo fracassado movimento golpista de 1992, mas a simetria é falsa. “É preciso entender que, se o povo humilde não sai às ruas, não há maneira de promover mudanças”, advertiu Capriles. Onde esse povo saiu, foi às manifestações governistas. Quem aposta em intervenção direta dos EUA está provavelmente iludido, ao passo que Maduro recebeu respaldo inequívoco dos parceiros do Mercosul e da Alba, ou seja, da maior parte da América do Sul. 

Há uma direita que julga sua pretensão ao poder inegociável, urgente e acima de considerações constitucionais, mas é apenas uma fração da elite e não é provável que conquiste apoio mais amplo enquanto o chavismo não fechar o caminho das urnas. Por ora, o saldo da aventura de López ao tentar ultrapassar Capriles pela direita (ou mesmo atropelá-lo) é uma oposição mais dividida, mas ela também mostrou fissuras do lado do governo, especialmente dificuldades de controlar seus próprios radicais.

Nas manifestações da quarta-feira 12, agentes do Serviço Bolivariano de Inteligência (Sebin) foram vistos e fotografados disparando durante os protestos (a oposição os responsabiliza pelas três mortes desse dia). No domingo 16, Maduro admitiu sua presença, mas enfatizou que descumpriam suas ordens de ficar no quartel e deixar as ruas a cargo da polícia e da Guarda Nacional. No dia 18, substituiu o comandante do Serviço. Os motociclistas que dispararam contra manifestantes nesse dia e mataram a jovem ex-miss podem ter sido também chavistas fora de controle, tão danosos à própria causa quanto López à da oposição.

Fonte: Carta Capital
Segue o link do Canal no YouTube e o Blog
Gostaria de adicionar uma sugestão, colabore com o NÃO QUESTIONE

Este Blog tem finalidade informativa. Sendo assim, em plena vigência do Estado Democrático de Direito, exercita-se das prerrogativas constantes dos incisos IV e IX, do artigo 5º, da Constituição Federal. Relembrando os referidos textos constitucionais, verifica-se: “é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato" (inciso IV) e "é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, independentemente de censura ou licença" (inciso IX). As imagens contidas nesse blog foram retiradas da Internet. Caso os autores ou detentores dos direitos das mesmas se sintam lesados, favor entrar em contato.

BRASIL: GRUPO CRIMINOSO PLANEJAVA RESGATAR SEU LÍDER COM HELICÓPTEROS


O grupo criminoso Primeiro Comando da Capital (PCC), de São Paulo, planejava usar dois helicópteros para resgatar o seu líder, que está detido, segundo um documento policial citado pela imprensa brasileira.

O plano, segundo o Estado de São Paulo, estava sendo organizado desde o ano passado para tentar o resgate de Marco Willians Herbas Camacho, conhecido como Marcola, líder do grupo criminoso, e outros três reclusos da penitenciária 2 da cidade de Presidente Venceslau, no interior de São Paulo.

Ao todo, 15 polícias militares do Comando de Operações Especiais, entre eles atiradores de elite, cercam a penitenciária para impedir qualquer tentativa, informou o periódico.

Fonte: Diário Digital / Lusa

Segue o link do Canal no YouTube e o Blog
Gostaria de adicionar uma sugestão, colabore com o NÃO QUESTIONE

Este Blog tem finalidade informativa. Sendo assim, em plena vigência do Estado Democrático de Direito, exercita-se das prerrogativas constantes dos incisos IV e IX, do artigo 5º, da Constituição Federal. Relembrando os referidos textos constitucionais, verifica-se: “é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato" (inciso IV) e "é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, independentemente de censura ou licença" (inciso IX). As imagens contidas nesse blog foram retiradas da Internet. Caso os autores ou detentores dos direitos das mesmas se sintam lesados, favor entrar em contato.

quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014

O PRIMEIRO VÍDEO DE FRANCO-ATIRADORES QUE DISPARAM NAS RUAS DE KIEV - COM VÍDEO


video

Mais de 20 policiais ficaram feridos na quinta-feira por franco-atiradores no centro de Kiev, de acordo com o Ministério do Interior. Segundo os médicos, os rastros de ferimentos em muitas vítimas também indicam que eles são vítimas de franco-atiradores. Tripulação videoagentstva Ruptly conseguiu atirar em um dos grupos de atiradores na construção de Kiev hotel.

Anteriormente os tiros quase atingiu tripulação RT .

Radicais estão disparando a partir dos andares superiores de edifícios no Maidan. O vídeo, filmado por cinegrafista videoagentstva snipers Ruptly selados armados com rifles de caça. De acordo com a agência, no momento do tiroteio, eles escaramuças com os agentes da lei.

De acordo com o Ministério do Interior ", descobriu que os manifestantes na Praça da Independência, possivelmente com a construção de um jardim de Inverno, as armas de fogo usadas abertas contra militares e" Berkut ". Quem é afetado assistência médica pré-hospitalar ", - disse em um comunicado.

"Interfax", treze pessoas foram mortas em áreas de ferimentos de bala individuais. "Cada um deles foi morto por um único tiro. Ninguém ficou dois ou três feridas "- disse o médico agência voluntário.
Canal aérea ucraniana "112" foi mostrado no vídeo , que sai da Maidan no porta-malas de um carro que é um rifle. De acordo com os jornalistas, a exportação de armas da área MP do partido "Pátria", que também levou dois homens mascarados.

Fonte: Russian RT

Segue o link do Canal no YouTube e o Blog
Gostaria de adicionar uma sugestão, colabore com o NÃO QUESTIONE

Este Blog tem finalidade informativa. Sendo assim, em plena vigência do Estado Democrático de Direito, exercita-se das prerrogativas constantes dos incisos IV e IX, do artigo 5º, da Constituição Federal. Relembrando os referidos textos constitucionais, verifica-se: “é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato" (inciso IV) e "é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, independentemente de censura ou licença" (inciso IX). As imagens contidas nesse blog foram retiradas da Internet. Caso os autores ou detentores dos direitos das mesmas se sintam lesados, favor entrar em contato.

DUPLA DE FOTÓGRAFAS CAPTA A ESSÊNCIA DE TRIBO NO SUDÃO EM SÉRIE DE FOTOS EXTRAORDINÁRIA - COM VÍDEO


As fotógrafas Carol Beckwith e Angela Fisher possuem uma vivência de mais de 30 anos do registro de cerimônias, rituais e cotidiano de povos tribais africanos, o que fez com que suas imagens refletissem uma longa e profunda relação de respeito com os costumes e as pessoas dessas tribos, especialmente a Dinkas, no Sudão.

Contemplar essas imagens é como se abríssemos uma janela ao passado, observando traços de uma cultura rica e fascinante de um povo lindo, que preza pelo costume de seus ancestrais como forma de olhar para o futuro, nos deixando admirados e torcendo para que essas tribos nunca desapareçam, pois com certeza temos muito o que aprender com eles, veja alguns dos extraordinários registros das fotógrafas:

78468ad5288d433009367eeff5a5f3b3_L
Dinka Woman with Baby
Dinka Boy with Monitor Lizard
Dinka Woman Dancing
Dinka Woman Carrying Load
Dinka Man Covered in Ash
Dinka Woman with Corset Carrying Calabash
l_BF_DKA-001_1354059475
l_BF000DI_1228348327
l_BF018DI_1228348544
l_BF020DI_1228348760
l_BF022DI_1228348811
l_BF029DI_1229303512
l_BF032DI_1229307091
l_BF038DI_1229303744
l_BF046DI_1229307278
l_BF054DI_1228349246
l_BF056DI_1229307373
l_BF058DI_1229307434
l_BF066DI_1228349172
l_BF069DI_1228349325
l_BF072DI_1228349282
l_BF078DI_1229306497
l_BF084DI_1228349357
l_BF089DI_1229306527
l_BF092DI_1228349480
l_BF102DI_1228352557
l_BF104DI_1228349416
l_BF123DI_1228171056
l_BF126DI_1228171435
Há ainda um pequeno documentário disponível no canal da National Geographic no Youtube, contando um pouco a história das fotógrafas e mostrando as tribos (em inglês):


Fonte: Hypeness

Segue o link do Canal no YouTube e o Blog
Gostaria de adicionar uma sugestão, colabore com o NÃO QUESTIONE

Este Blog tem finalidade informativa. Sendo assim, em plena vigência do Estado Democrático de Direito, exercita-se das prerrogativas constantes dos incisos IV e IX, do artigo 5º, da Constituição Federal. Relembrando os referidos textos constitucionais, verifica-se: “é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato" (inciso IV) e "é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, independentemente de censura ou licença" (inciso IX). As imagens contidas nesse blog foram retiradas da Internet. Caso os autores ou detentores dos direitos das mesmas se sintam lesados, favor entrar em contato.

ATLETAS SÃO SUSPENSOS APÓS SAUDAÇÃO NAZISTA


Três espanhóis de arremesso de peso foram fotografados fazendo saudação nazista e, após divulgação da imagem no Twitter, punidos pela federação de atletismo do país.

A Real Federação Espanhola de Atletismo (RFEA) abriu um processo disciplinar contra os atletas de arremesso de peso Daniel Martínez, Carlos Tobalina e José Lorenzo Hernández.

A decisão, confirmada nesta segunda-feira por fontes do organismo, foi tomada depois de os atletas terem difundido uma fotografia na rede social Twtiter em que faziam a saudação nazi juntamente com outros atletas.

Segundo Gerardo Cebrián, porta-voz da RFEA, a federação seguiu o exemplo do Conselho Superior de Desportes (CSD), que suspendeu os citados atletas por este motivo e interditou-lhes o acesso, durante quinze dias, às instalações do Centro Especializado de Alto Rendimento (CEARD) de León, onde habitualmente realizam os seus treinos.

Segundo Cebrián, o incidente não passa de “uma estupidez, sem nenhum tipo de conotação política, mas é de caráter grave, pelo que terá que ter suas consequências”. Esta tarde reuniram-se nas instalações do CEARD de León o diretor do centro, Daniel Mateos, o treinador dos atletas, Carlos Burón, e os próprios desportistas, José Lorenzo Hernández fez-se acompanhar por um tutor, por ser menor de idade.

Em função das alegações serão punidos, assegura o porta-voz da federação. De qualquer das formas é já certo que estarão ausentes do campeonato de Espanha de arremesso de pesos, que será disputado já no próximo sábado dia 2 de março no CEARD.

Fonte: Esquerda.net

Segue o link do Canal no YouTube e o Blog
Gostaria de adicionar uma sugestão, colabore com o NÃO QUESTIONE

Este Blog tem finalidade informativa. Sendo assim, em plena vigência do Estado Democrático de Direito, exercita-se das prerrogativas constantes dos incisos IV e IX, do artigo 5º, da Constituição Federal. Relembrando os referidos textos constitucionais, verifica-se: “é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato" (inciso IV) e "é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, independentemente de censura ou licença" (inciso IX). As imagens contidas nesse blog foram retiradas da Internet. Caso os autores ou detentores dos direitos das mesmas se sintam lesados, favor entrar em contato.

URUGUAI: QUASE 7 MIL ABORTOS SEGUROS E NENHUMA MORTE REGISTRADA


Uruguai: em um ano, 6.676 abortos seguros foram realizados e nenhuma morte registrada. Do total de abortos realizados no marco da nova lei, em apenas 50 casos (0,007%) houve complicações leves.

Um balanço oficial do governo uruguaio informou que, no período de um ano de vigência da Lei de Interrupção da Gravidez (lei de aborto), foram realizados 6.676 abortos seguros – nenhuma mulher faleceu. Desde dezembro de 2012, as mulheres uruguaias podem realizar a interrupção da gravidez indesejada em segurança e na legalidade.

Desta data até novembro de 2013, a média foi de 556 abortos por mês, um número próximo a 18 abortos por dia. Do total de abortos realizados no marco da nova lei, em apenas 50 casos (0,007%) houve complicações leves. O único caso de morte foi o de uma mulher que realizou um aborto clandestino, fora de um centro de saúde, aparentemente usando uma agulha de crochê. Ela já teria chegado em estado grave ao hospital.

Segundo o Subsecretário de Saúde Pública, Leonel Briozzo, a tendência é que o número de abortos diminua ao longo do tempo. “O que nos indica é que a prática do aborto é segura, acessível e infrequente. O Uruguai tem uma taxa de nove interrupções da gravidez a cada mil mulheres entre 15 e 44 anos, o que de alguma maneira nos coloca nas posições mais baixas do mundo, inclusive mais baixa que os países da Europa Ocidental, que reportam 12 interrupções a cada mil mulheres”, destacou.

Do total de abortos, 41% foram realizados pelo setor público e 59% pelo setor privado. A maioria dos abortos aconteceu em Montevidéu, ao redor de 64%, enquanto que no interior do país foram registrados 36%.

Para a ex-senadora e atual presidenta da Frente Ampla, Mónica Xavier, os resultados da nova Lei de Interrupção da Gravidez são satisfatórios e não é chamativo o incremento do número de abortos neste primeiro ano de aplicação da lei.

“Quando promovíamos [a criação de] normas legais que regulassem a interrupção da gravidez com algumas condições, entendíamos que ia haver [no longo prazo] uma diminuição dos aborto,s que não ia ser registrada no início, mas sim com o tempo”, pelo fato de não havia registros oficiais sobre o número de abortos antes.

As mulheres adolescentes foram as que menos realizaram interrupções da gravidez, ao redor 18%, enquanto as mulheres adultas representaram 82% do total. Para Xavier, é necessário dar tempo para que haja confiança e maior respeito entre as mulheres e o sistema de saúde.

“De um dia para o outro, as pessoas não vão ter confiança para não serem estigmatizadas, questionadas em sua decisão, porque há toda uma aprendizagem mútua, desde o reconhecimento do direito até a melhor atenção, de qualidade, que devem fazer as equipes de saúde”, ressaltou Xavier.
Oposição

No entanto, o deputado Pablo Abdala, um dos opositores à nova lei, dúvida que o aborto clandestino tenha sido extinto. “Acredito que a clandestinidade segue ocorrendo livremente. Além disso, o aborto clandestino agora é feito com mais facilidade que antes; não é necessário ir a uma clínica para ter acesso aos comprimidos”, afirmou Abdala para o jornal El País.

Os resultados oficiais também demonstram que 6,3% das mulheres desistiram da ideia de abortar e continuaram com sua gravidez, após realizar as consultas com as equipes multidisciplinares. O baixo índice sugere que a maioria das mulheres chega aos centros de saúde já com uma decisão tomada.
Lei de aborto

A solicitação para a interrupção voluntária da gravidez pode ser feita até a 12ª semana de gestação. O período se amplia para 14 semanas em caso de estupro e não há restrições nos caso de má-formação do feto ou risco de vida para a mãe.

Antes, as pacientes devem passar por uma equipe multidisciplinar formada por um ginecologista, um psicólogo e um assistente social. Entre outras ações, eles conversam sobre a possibilidade de concluir a gravidez e dar a criança para adoção.

Posteriormente, há cinco dias para a reflexão. Depois, caso a vontade permaneça, é feito o aborto, farmacológico e seguindo os critérios recomendados pela OMS (Organização Mundial da Saúde).

Fonte: Rafael Reis, Opera Mundi

Segue o link do Canal no YouTube e o Blog
Gostaria de adicionar uma sugestão, colabore com o NÃO QUESTIONE

Este Blog tem finalidade informativa. Sendo assim, em plena vigência do Estado Democrático de Direito, exercita-se das prerrogativas constantes dos incisos IV e IX, do artigo 5º, da Constituição Federal. Relembrando os referidos textos constitucionais, verifica-se: “é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato" (inciso IV) e "é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, independentemente de censura ou licença" (inciso IX). As imagens contidas nesse blog foram retiradas da Internet. Caso os autores ou detentores dos direitos das mesmas se sintam lesados, favor entrar em contato.

FEMEN: MULHERES NO GOVERNO!


Movimento internacional de mulheres FEMEN se opõe à equipe do novo Gabinete de Ministros da Ucrânia por causa do baixíssimo número de mulheres candidatas.
Três mulheres para 20 vagas. Tal compreensão do papel das mulheres na política é suicida para o país que quer ser associado com os padrões políticos europeus. A desconfiança de mulheres mostra que os novos proprietários da Ucrânia não são diferentes que os seus antecessores e desperta ceticismo enorme para os resultados de Euromaidan.

Movimento FEMEN exige o aumento dos lugares para as Mulheres-ministros e abertura do Ministério para os Assuntos 'Mulheres que devem proteger os direitos das mulheres ucranianas que são sem dúvida vai ser atacado por as asas de extrema-direita que chegou ao poder. Isso é uma vergonha, se Euromaidan se transforma em estado fascista (onde o papel da mulher se restringe a um de ser mãe e esposa) para ele vai ser tão forte como a euforia de hoje! Poder para as mulheres! Жiнок в Кабмiн!

Foto: ação contra a política FEMEN misógino do primeiro-ministro N. Azarov em 16 de dezembro de 2011.

Fonte: FEMEN Org

Segue o link do Canal no YouTube e o Blog
Gostaria de adicionar uma sugestão, colabore com o NÃO QUESTIONE

Este Blog tem finalidade informativa. Sendo assim, em plena vigência do Estado Democrático de Direito, exercita-se das prerrogativas constantes dos incisos IV e IX, do artigo 5º, da Constituição Federal. Relembrando os referidos textos constitucionais, verifica-se: “é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato" (inciso IV) e "é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, independentemente de censura ou licença" (inciso IX). As imagens contidas nesse blog foram retiradas da Internet. Caso os autores ou detentores dos direitos das mesmas se sintam lesados, favor entrar em contato.